A RBPI e uma ideia de modernização e de desenvolvimento: entrevista com Amado Cervo

A Revista Brasileira de Política Internacional é uma das mais tradicionais publicações científicas da grande área de humanidades publicada na América Latina. Fundada em 1958 pelo Instituto Brasileiro de Relações Internacionais, a RBPI assumiu desde as suas origens um papel central no pensamento brasileiro sobre relações internacionais em geral e sobre política externa brasileira, em particular.

O periódico foi criado no Rio de Janeiro, e foi animada desde sempre por intelectuais e diplomatas, muito antes de existir uma academia baseada na Universidade. A trajetória da RBPI se confunde, de certo modo, com a dos grandes debates sobre a inserção internacional do Brasil, sobre as suas vinculações com os problemas do desenvolvimento e os desafios apresentados pela política internacional.

Transferida para Brasília em 1993, a Revista passou a ser animada por professores da Universidade de Brasília que, juntamente com diplomatas brasileiros, reconstituíram o IBRI na capital federal e deram continuidade à edição. O primeiro editor da Revista nessa nova fase foi o Professor Amado Cervo, docente da Universidade de Brasília, que consolidou o perfil científico da publicação e a dirigiu até 2004.

Amado Cervo

Cervo, que é professor emérito de Relações Internacionais da Universidade de Brasília, conversou com Antônio Carlos Lessa, editor-chefe da RBPI a partir de 2004, sobre o papel da RBPI na cultura política e internacionalista brasileira desde as suas origens e até os dias de hoje. Veja no link a entrevista.

 

Este post foi originalmente publicado no Blog Scielo em Perspectiva – Humanas, em 26/04/2017.

Print Friendly, PDF & Email
Tagged with:    

Instituto Brasileiro de Relações Internacionais

Revista Brasileira de Política Internacional & Meridiano 47

Caixa Postal 4400 70919-970 – Brasília – DF Brasil

secretaria@ibri-rbpi.org

Informes do IBRI

Digite o seu e-mail para receber notícias do IBRI, da RBPI e de Meridiano 47 por email.

Junte-se a 11.322 outros assinantes

%d blogueiros gostam disto: