Rio Branco, jornalista

Esta resenha da biografia “Juca Paranhos, barão do Rio Branco” de Luís Cláudio Villafañe G. Santos (Villafañe, L.C. Juca Paranhos: o Barão do Rio Branco. São Paulo: Companhia das Letras, 2018, 560p) analisa a trajetória do biografado no que diz respeito a sua atividade como jovem jornalista, nas décadas de 1860 e 1870. A resenha argumenta que esse período é subestimado na carreira de Rio Branco, pois deu a ele conhecimentos e relações que posteriormente foram importantes para sua atuação como ministro das Relações Exteriores.

Leia o artigo

Santoro, Maurício. 2019. Rio Branco, Jornalista. Meridiano 47 – Journal of Global Studies 20 (agosto). https://doi.org/10.20889/M47e20006.

Sobre o autor

Maurício Santoro – Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Departamento de Relações Internacionais. http://orcid.org/0000-0002-0735-5600

Print Friendly, PDF & Email
Tagged with:    

Instituto Brasileiro de Relações Internacionais

Revista Brasileira de Política Internacional & Meridiano 47

Campus Universitário Darcy Ribeiro - Prédio do Instituto de Relações Internacionais Asa Norte, Brasília, DF 70910-900

secretaria@ibri-rbpi.org

Informes do IBRI

Digite o seu e-mail para receber notícias do IBRI, da RBPI e de Meridiano 47 por email.

Junte-se a 12.537 outros assinantes

%d blogueiros gostam disto: